História de Prontera



Episódio : Reino de Rune-Midgard

O sagrado Reino de Rune-Midgard governou o vasto território próximo ao
centro do continente de Midgard por milhares de anos e atualmente é governado pelo
sábio e benevolente Rei Tristan III. Embora existam muitas religiões em
Rune-Midgard, Odin é a maior divindade cultuada pela nação. O Santuário de Prontera, que é dedicado à
cultuar Odin é localizado em Prontera, a capital de Rune-Midgard.

A localização vantajosa de Prontera no meio do continente de Midgard é atribuída ao
seu sucesso como centro comercial. A capital é uma cidade famosa,
onde Espadachins podem realizar testes para se tornarem Cavaleiros ou Templários. A sede da Associação dos Espadachins
também pode ser encontrada em Prontera, mas seus aposentos foram movidos para Izlude,
a cidade satélite da capital.

Geffen, a cidade da magia, é localizada a noroeste do Reino de Rune-Midgard.
A Torre de Geffen é um símbolo para a cidade, além de ser considerada um solo sagrado
para os adeptos da magia. Há rumores de que o segredo para acessar Geffenia – a antiga cidade mística
onde estão escondidos os tesouros dos elfos – pode ser descoberto em Geffen.

Morroc é uma pequena cidade no deserto, localizada a sudoeste do Reino de Rune-Midgard.
Muitas pessoas fogem de seu calor árido, mas a cidade atrai aspirantes a Gatunos
desde que ela se tornou a fortaleza a Guilda dos Gatunos. Existem rumores de que a Guilda dos Mercenários está
escondida em algum lugar do Deserto de Sograt, próximo a Morroc.
Sendo assim, aqueles que desejam ser Mercenários precisam explorar o deserto para achar a fortaleza.

Payon é um vilarejo localizado nas montanhas a noroeste do Reino de Rune-Midgard.
Em Payon foram desenvolvidas técnicas supremas de artilharia e de forja de arcos.
E assim esse povoado se tornou o lar da famosa Vila dos Arqueiros, local conhecido por ser o campo de treinamento de caçadores incríveis.
Muitos acreditam que os arqueiros de Payon nunca perdem seus alvos. O poderoso arco "Gakkung",
é um dos produtos especiais da vila.

Alberta está localizada a sudoeste do Reino de Rune-Midgard.
Centro comercial das rotas marítimas, os navios que viajam de Izlude para Alberta
são constantemente atacados por piratas, já que transportar as mercadorias entre essas cidades por terra é inviável.
Além de ter um ambiente florido, animado, e de sua política de trocas livres, Alberta é a sede da Guilda dos Mercadores
- que retém trinta por cento de todos os direitos comerciais do continente de Midgard.

Al De Baran, a cidade pacífica e polida, é conhecida pela misteriosa Torre do Relógio
que fica em seu centro. Desde a fundação de Al De Baran, os artesãos da cidade
criam inúmeros relógios – e costumavam colocar na Torre aqueles que se quebravam.
De alguma forma, as energias mágicas da construção transformaram esses objetos em
monstros malignos, que expulsaram todos os humanos da Torre.
Agora os relógios vagam livremente pelo local, que se tornou um calabouço assustador.
Muitos curiosos e aventureiros bem-intencionados exploraram a Torre do Relógio para exterminar essas aberrações, mas poucos deles
voltaram a salvo: até hoje, ninguém foi capaz de desvendar seus mistérios.